Sugestão de Leitura

sug_leitura_2

O paraíso são os outros, Valter Hugo Mãe (2017)

Este livro é a história que nos conta uma menina que observa os casais e a quem o amor intriga e fascina. Casais de pessoais e de animais, sobre os quais inventa histórias de felicidade e idealiza a sua própria história feliz.
É um tema universal, mas abordado de uma forma diferente e singular.

 

O Grande Livro do Quis, Júlio Alves (2016)

Para quem vai de férias mas gosta de ocupar os tempos livres com desafios, jogos e charadas…
Mais de 800 perguntas sobre cultura geral, história, ciência, geografia entre muitas outras áreas do conhecimento. Para se divertir com família e amigos!

 

Science Literacy: Concepts, Contexts, and Consequences – (2016)

Em tempo de férias, um livro para levar no bolso, que nos permite aliar o lazer ao saber. Uma leitura agradável e abrangente que descomplica e desmistifica alguns conceitos que nos são cada vez mais familiares, não só no âmbito profissional, mas também pessoal.

 

Imagine – de Onde Vem a Criatividade, Jonah Lehrer (2012)

Através das neurociências e abordando um campo pouco explorado pela ciência – a criatividade, este autor deita por terra ideias feitas ao analisar o nosso quotidiano, as nossas escolas e filhos, e as
nossas interacções criativas, indicando-nos diferentes formas de estimular o nosso lado criativo.

 

Os vencidos do catolicismo: militância e atitudes críticas (1958-1974), Jorge Revez (2009)

Partindo do poema de Ruy Belo (1933-1978) Nós os Vencidos do Catolicismo, publicado em 1970, um livro para quem gosta de História Religiosa, que nos proporciona um breve enquadramento da militância e das dissidências internas do campo católico até finais dos anos 50, abordando a renovação posterior de alguns sectores do catolicismo em torno de quatro vectores de análise: humanismo, progressismo, vanguarda e crise.