Espaço Aberto

teste

INFORMAÇÃO DE SAÚDE: Mais Transparência, Melhor Decisão é um projeto da Associação Fazedores da Mudança desenvolvido com o apoio financeiro da Fundação Calouste Gulbenkian, no âmbito do programa Literacia em Saúde, e em parceria com diversas entidades como a APDIS, o que para nós é um verdadeiro privilégio.

Enquanto Fazedores da Mudança entendemos que somos corresponsáveis por um mundo melhor para todos e acreditamos que cada um de nós tem o poder de mudar, fazendo o que está ao seu alcance, em cada momento. É o que estamos a fazer.

No que respeita ao Acesso à Informação de Saúde, sabemos que:  i) a grande maioria dos cidadãos não reconhece isto como um direito seu,  ii) os profissionais, face à legislação em vigor, não se sentem seguros e tranquilos nas decisões que têm de tomar no que concerne ao facilitar o acesso à informação de saúde; iii) a resolução destas questões passam por uma campanha de informação ao nível nacional e pela alteração do quadro legal em vigor.

Pois bem! Se algo está ao nosso alcance, temos a responsabilidade e a coragem de o fazer. É assim que, neste momento:

  1. vamos apresentar no dia 1 de Julho, na Ordem dos Médicos, o livro Acesso à Informação de Saúde. Direitos, Procedimentos e Garantias, no qual apresentamos uma síntese da legislação em vigor, identificamos a controvérsia existente em Portugal, e apresentamos uma proposta concreta para a reforma do quadro legal. Este livro serve de suporte à ronda de contactos que vamos realizar junto da CADA, CNPD, Provedor da Justiça e Grupos Parlamentares da Assembleia da República, bem como, à própria campanha de informação. A distribuição do livro é gratuita, existindo ainda a possibilidade de acederem ao mesmo em formato de E-book disponível no website do projeto e  e da editora Caminhos de Pax para download, igualmente gratuito.
  2. vamos dar o inicio oficial da Campanha de Informação nacional. O desenho da mesma, a definição dos melhores conteúdos e canais informativos, contou com o precioso contributo do processo participativo que envolveu cidadãos e profissionais, e das 3 ações de formação e workshops dirigidas aos profissionais que mais diretamente lidam com esta matéria, no seu dia-a-dia. O website, o flyer e os vídeos informativos, nomeadamente o da Campanha e o dos Cidadãos, são um exemplo claro deste processo de escuta.

Em síntese, através deste projeto queremos criar as condições para que os cidadãos possam aceder à informação de saúde, conhecer os seus direitos e  as garantias de que podem dispor, em caso de recusa do acesso aos mesmos. Queremos igualmente assegurar uma maior capacitação/sensibilização dos profissionais de saúde e do social, sobre esta temática.

Tentamos criar pontes e construir em conjunto com todos aqueles  que escolhem fazer parte da solução. Acreditamos que desta forma, numa base de diálogo, escuta compassiva, humildade, compreensão e entreajuda é possível mudar. E para mudar não temos de fazer grandes coisas. Tenho para mim a ideia que devemos fazer simples, pequeno, ao nosso alcance, com quem está e onde estamos.

Querem juntarem-se a nós nesta Campanha de Informação e fazerem o que está ao vosso alcance, a partir do lugar onde se encontram?

Todas as ideias e ações são bem-vindas e ficamos muito gratos se as partilharem connosco.  Sentem-se entusiasmados e com coragem para avançar?! Então sejam muito bem-vindos à equipa!!

 

Dias felizes
Paula Elias

Fazedores mudanc

Paula Elias (presidente da direcção)
tel: (+351) 917078777
Website: http://fazedoresdamudanca.pt